O que mudou na minha vida depois da chegada da Alice

Imagem

Olá gente!

Depois da Amanda, chega a minha vez de falar sobre o que mudou na minha vida depois da chegada da Alice…

Hoje ela tá com um ano e oito meses e todos os dias desde quando eu descobri que estava grávida, quando eu deito na cama penso no quanto minha vida mudou.
Não planejamos a chegada da Alice, por isso o primeiro impacto foi desesperador, eu estudava, trabalhava e até então ser Mãe não estava nos meus planos. Depois que eu parei pra pensar que dentro de mim crescia uma vida, foi tudo mágico, cada mudança no corpo, nas atitudes, tudo mudou. Apesar daquela barriga enorme, eu me sentia a mulher mais linda do mundo. Tive uma gravidez meio complicada, com queda, descolamento de plascenta, infecção urinária, contrações antes da hora, e o que mais me desesperou foi saber em uma consulta de rotina, que eu precisaria passar por uma cesariana de emergência pois a Alice estava entrando em estado de sofrimento e o coraçãozinho dela não estava batendo normalmente. Nesse momento o meu mundo parou, eu nunca tinha visto aquele rostinho ou sentido ela em minhas mãos e eu já não sabia o que seria da minha vida. Fui para o hospital e fizemos o parto e deu tudo certo. Ali estava eu, sem saber explicar até hoje o que eu senti naquele momento.
Depois desse dia, tudo na minha vida gira em torna dela, eu abri mão de noites de festa, idas ao cinema, saida com os amigos, não apenas por caus dela, mas sim por nós duas. Quando muitos pensavam que eu largaria a faculdade por causa dela, se enganaram, pois é ela que dá forças pra conseguir vencer cada vez mais na vida.
Hoje vivo uma rotina completamente diferente de quando não tinha ela, aprendi a ser mais responsável com tudo.
Durmo tarde, pois só consigo trabalhar e fazer as coisa de casa quando ela dorme, acordo cedo pois tenho que deixar tudo pronto antes dela acordar. Quando saímos com ela, me preocupo se o local é adequado pra crianças, se ela vai gostar ou se sentir mal, me preocupo até mesmo com a minha saúde, porque doente eu posso não conseguir cuidar dela direito. Quando ela dorme por muito tempo (assim como TODAS as mães que conheço) vou lá pra saber se ela está respirando. Sem contar quando ela se machuca e chora, eu choro junto. E é claro que não posso deixar de mencionar o estresse que também aumenta ( E MUITO), mas ver aquele rostinho dengoso na minha frente logo depois é o que compensa.
É tanta coisa que eu me preocupo que ninguém teria saco pra ler kkkkk, alimentação, escola, vacinas, doenças, roupas, efim, coisas de mãe… 
O engraçado é quando eu e o Maurício saímos sem ela, logo sentimos falta, queremos voltar pra casa e só pra ter a presença dela.
 
Talvez minha vida tivesse outro rumo se eu não tivesse ela, se pra melhor ou pior, isso não importa. O que importa é que a vida que tenho hoje só tem sentido porque a Alice faz parte dela e daqui pra frente tudo o que eu pretendo ser e fazer vai ser sempre pensando no melhor pra ela, que faz os todos os meus dias estressantemente felizes kkkkkkkk.
 
Beijos e até a próxima
 
Cris Rendeiro
Anúncios

A primeira vez a gente nunca esquece!

deixando-o-filho-na-escola cópia

Oi pessoal, e finalmente chegou o tão esperado dia. Minha princesa começou a estudar. Hoje eu imagino o que tantas mães e pais, inclusive os meus, sentiram nesse primeiro passo que a criança dá. Tudo bem que foi uma decisão minha, e não dela, mas de qualquer forma ver que ela vai começar um novo ciclo dá sim um pouco de medo. Antes era o bebezinho da mamãe (e sempre vai ser) e agora é uma garotinha independente que já esta em um novo meio e conhecendo novas pessoas.

Hoje eu vim fazer um pequeno resumo de como foi a minha experiência, e é claro que eu quero saber da experiência de vocês sobre essa fase. Vou contar como foram esses primeiros dias de aula, alguns detalhes, alguns dramas, o orgulho, a felicidade… Enfim, vou resumir dia por dia. Espero que gostem de curtir e dividir isso comigo.

1° dia de aula

Chegamos na escolinha e ela já foi toda animada dizendo tchau pro vovôi e falando com todo mundo que encontrava pelo caminho. Entramos na sala de aula dela, e tinham apenas uns 4 ou 5 alunos, uns dois estavam chorando. A princesa me perguntava o que era que tinha acontecido pra eles estarem chorando, toda preocupada. Falou com a tia, e ficou por ali conhecendo o lugar e querendo mexer em tudo. Depois foi brincar no parquinho com os amiguinhos, e de vez em quando vinha falar comigo (que fiquei de longe só olhando). Logo depois da brincadeira no parquinho eles entraram pra fazer uma atividade, e eu resolvi ficar do lado de fora da sala pra saber como ela ia ficar – se ia ter choro ou não. Resultado: ela ficou lá brincando e nem lembrou que eu existia. Eu, é claro, fiquei do lado de fora (escondida) só olhando o que estava acontecendo com a minha princesinha no seu primeiro dia de aula. Se eu quisesse ter ido embora aquela hora, podia, porque ela nem lembrava que eu não tava ali. Mas é claro que como uma verdadeira mãe de primeira viagem, eu fiquei ali esperando até a hora de ir embora. Depois, é claro, ela me encontrou ali olhando ela e me chamou pra entrar. E esse foi o nosso primeiro dia de aula.

2° dia de aula e 3° dia de aula

A princesa teve febre de madrugada e eu preferi não levar ela para a escolinha, ela ficou mole e dengosa, então acho que fiz a melhor escolha. Afinal, ela ainda tem tempo de estudar pro enem mais lá pra frente. kkkkk

Bom, vamos ver se essa gripe vai embora e assim a princesa vai poder ir pra escolinha de novo. Não acho certo quem força a criança a ir pra escola quando não tem tanta necessidade, como é o caso da Letícia, ainda mais se ela tiver doente. Posso até estar fazendo errado desse jeito e isso pode até atrapalhar na adaptação dela. Mas o importante pra mim é ela ficar bem logo pra poder voltar a nova rotina dela.

Espero que tenham gostado de saber um pouquinho da nossa nova rotina, agora com a princesa no maternal 1. Não se esqueçam de me contar como foi a experiência de vocês, vou adorar saber.  E agora o Chá da Mamãe tem mais uma novidade, vamos inaugurar o canal no Youtube – se inscrevam e fiquem sabendo de tudo primeiro (https://www.youtube.com/user/chadamamae).

Beijos e até a próxima

Amanda Menezes

É hora do lanche

hora_do_lanche

Olá meninas!

Hoje eu vou falar sobre um assunto que estava me preocupando esses últimos dias, que é sobre o lanche ideal pra a Alice levar pra escola. É a primeira vez dela na escola, tudo novo e além do todo resto que eu tenho pra me preocupar ainda tem o lanche. Cheguei até a perguntar se lá na escola eles ofereciam um serviço de lanche feito por eles mesmos, em que eu pudesse pagar alguma taxa e a responsabilidade ficaria por conta deles. Até porque oferecer um lanche escolar saudável é uma grande dificuldade para nós mães. Muitas vezes é difícil unir qualidade com praticidade, não estou dizendo que é impossível fazer um lanche prático e saudável, mas principalmente no caso da Alice que vai estudar de manhã, é complicado pela questão do tempo pra fazer tudo e depois ainda ter que enfrentar aquele trânsito. Muitas vezes o prático não é o mais saudável, mas são o que as crianças mais adoram. Mas pra tudo podemos dar um jeitinho e dá pra fazer um meio termo e equilibrar essa alimentação.

Primeiro vamos falar das lancheiras, eu optei por uma térmica, pois elas conservam melhor os alimentos e evita que eles estraguem com facilidade.

Outro fator importante é respeitar a preferencia da criança, não deixando-a escolher o que ela quer levar, mas sim colocando sempre os alimentos que mais agrade ela.

Salgadinho, biscoitos recheados, chocolates, bombons não são proibidos, mas evite colocar na lancheira com muita frequência.

Se a lancheira não for térmica, tenha cuidado com os iogurtes e frios (queijo, requeijão, etc…) pois eles estragam com muita facilidade.

Coloque sempre uma fruta na lancheira, mas é sempre bom perguntar pra criança (quando ela for entendida, que não é o caso da Alice) que fruta ela prefere levar, pois assim a possibilidade dela realmente comer é mais fácil. E opte também por frutas que não estraguem com facilidade.

É sempre bom colocar uma garrafinha de água na lancheira, as crianças sempre esquecem de beber água. É sempre bom ter por perto.

É claro que não podemos esquecer dos carboidratos, pois eles são responsáveis pela energia. Pães integrais, fracês, bisnaguinha, barrinhas de cereais, tudo é interessante de colocar.

Procure variar ao máximo o lanchinho deles para que não enjoem com facilidade e é muito importante que seja um lanche bem colorido e bonito para que a criança sinta prazer de comer.

Espero ter ajudado em alguma coisa. Qualquer dúvida, sugestão ou crítica é só deixar nos comentários. Beijos e até a próxima.

Cris Rendeiro 😉

O que mudou na minha vida depois da chegada da Letícia

1456693_605953569462713_1421214335_n cópia

E quase 2 anos depois do nascimento da minha princesa, finalmente parei para pensar no que realmente mudou na minha vida. É claro que todas nós sabemos, quando descobrimos que estamos grávidas, que tudo vai mudar uma hora ou outra. E na minha vida não foi diferente. Não parei a faculdade, não deixei de fazer ou ir para lugares que eu gostava, mas minhas prioridades mudaram.

Hoje, antes de marcar de sair com os amigos, eu fico pensando na quantidade de horas que ainda terei para dormir depois que chegar de madrugada. Porque bem ou mal, as 8h da manhã a minha princesinha vai estar acordando com todo o pique. É claro que eu deixei de sair, que deixei de ir ao cinema ou só dar uma volta no shopping.

Hoje meus passeios são sempre pensando se ela vai gostar do lugar, se vai conseguir se comportar, se vai aguentar o tempo que eu passarei ali com ela. Hoje a minha vida é toda agendada de acordo com ela, praticamente. Tenho meus horários, tenho a minha rotina. Mas tudo isso é adaptado a minha vida com a Letícia.

Ás vezes eu paro para pensar em como seria se ela não existisse, e chego a conclusão de que eu não consigo imaginar mais a vida sem ela. Não sei se isso acontece com todas as mães, ou com a maioria. Mas eu não lembro de como era a minha vida sem ela. E eu acho incrível isso. Incrível porque uma pessoa que chegou a tão pouco tempo transformou, não só a minha vida, como a de todos que vivem ao redor dela.

Então respondendo sobre o que mudou na minha vida, tenho certeza que a melhor resposta é tudo. E com certeza foi para melhor. Agora me digam vocês, o que mudou desde que se tornaram mães e pais, tios e tias, avôs e avós? Eu quero saber.

Beijos e até a próxima

Amanda Menezes

Onde ir? – Hamburgueria 66

foto 5

Boa tarde pessoal. Hoje resolvi começar uma série nova aqui no Chá da Mamãe. Ela vai ser chamar, por hora, “Onde ir”. E é basicamente como o próprio nome diz, vamos dar dicas de lugares para frequentar com ou sem o seu bebê. O primeiro lugar escolhido foi a Hamburgueria 66, que fica aqui em Belém do Pará, próximo a Doca. Esse lugar foi escolhido aleatoriamente, e por eu ter ido lá ontem com a minha pequena Letícia.

A primeira coisa que eu tenho a falar desse lugar é que ele é simplesmente incrível. Adorei o ambiente, adorei as músicas, adorei a decoração.. Enfim, adorei mais ainda por não ter muita gente (fui em uma quarta feira a noite). Sempre que entro em algum restaurante vou logo procurando um cantinho para sentar, onde a Letícia possa ficar “isolada” e não queira sair pelo restaurante todo falando com as pessoas.

Em segundo lugar a comida. Eles utilizam um método que começou a virar moda aqui na cidade. O cardápio todo foi feito com nomes de artistas, acho bem legal isso e divertido. Por exemplo, a Letícia comeu (provou, porque ela tomou todo o suco de laranja e não quis a comida) o Popaye Kids e eu o Victor Belfort. Enfim, gostei bastante do tempero deles.

Aqui estão algumas fotos do lugar, não tirei muitas porque (confesso) fiquei com vergonha. Mas na próxima vez prometo que vou tirar fotos melhores.

foto 3 foto 4

Espero que tenha ajudado em alguma coisa com essa dica. Se tiverem alguma sugestão de tema para os próximos posts ou de lugares para o Chá da Mamãe visitar, só deixar nos comentários ou mandar via email (chadamamae@gmail.com).

Beijos e até a próxima.

Amanda Menezes

Decoração para aniversário – Baby Looney Tunes

377df127bf8f1c8d7701b82299e6c07dOlá pessoal, hoje a dica de decoração para o aniversário dos pequenos veio de uma leitora. Para quem não conhece esse tema é de um desenho que passava no sbt quando eu era bem pequena, eu adorava e via quase todos os dias. O legal desse tema é que dá para usar tanto para as meninas quanto para os meninos. A dica é focar nos personagens mais fofinhos para as meninas, e para os meninos focar nos personagens mais masculinos.

Não consegui encontrar muitas opções de decoração, porque acredito que não consigam achar tantas coisas diferentes, e por isso, quase todas as imagens que eu encontrei são parecidas. Então, usem a imaginação ao se inspirar nessas decorações a seguir.

Querida Brenda Pinheiro, espero que ajude a fazer a festa do seu baby ser linda! Obrigada pelo carinho e atenção.

alugue+decora+ccedil+otilde+es+de+festa+baby+looney+tunes+sao+paulo+sp+brasil__98A181_3 ATgAAABRVbsUNsR8LXwHdfyDAZc-7Dj8QgCiGsNWjUziJ8oKLERT0oUd-Bswz6xQtbq-sUAr84dCXondiSw8tvo7cuv8AJtU9VAbl_SAIOPE7Eq_i2_-5GjbvW_hsw Baby Lonney Tunes  1 Baby-looney-tunes-002_800x559 bolo-decorado-baby-looney-tunes  DSC00805 DSC02318 DSCF4811 GEDC1688 HYJGH looney tunes baby menina Looney Tunes decoração de festa infantil zona sul Looney-Tunes-Cakes lt1 Mesa Baby Looney Internet segredos-da-vovo-festa-BABY-LOONEY-TUNES1

Espero que tenham gostado. E não esqueçam, qualquer coisa só entrar em contato com a gente. E se quiser ler mais sobre dicas para planejar o aniversário do seu bebê entre em: http://chadamamae.com/2013/08/07/dicas-para-organizar-aniversario/

Beijos e até a próxima.

Amanda Menezes

Comemoração 1 ano do Blog (parte 2)

Boa tarde pessoal, antes de qualquer coisa gostaríamos de agradecer mais uma vez pelo carinho que vocês tem nos dado nesse tempo todo do blog. É tão bom fazer aniversário que nós estamos preparando além desses, mais outros presentinhos em comemoração, então fiquem ligadas!

Hoje o presentão vem através da nossa parceria com o melhor lugar para design de unhas de Belém-PA, a Colorê Nails Design . Já conhece a nova tendencia da moda para as unhas? Agora as mulheres estão usando adesivos para todas ou para apenas uma unha de cada mão. Fica incrível, principalmente pela variedade que nós encontramos de adesivos. As leitoras do Chá da Mamãe ganham um par de nail wrap (película/adesivo de unha) na filha única, mas só vale de segunda a quarta. Essa promoção é valida até o final de 2014. E não esqueça que para aproveitar você terá que imprimir e apresentar no dia que você for fazer suas unhas.

cupom colorê

É apenas um presente simbólico comparado ao carinho que temos por vocês. Aproveitem e aguardem mais novidades. Porque é como eu sempre digo, nós fizemos aniversário mas quem ganha o presente são vocês – nossa razão de existir.

Obrigadaaa!!!